Considerações Extemporâneas

As conhecidas Considerações Extemporâneas de Nietzsche finalmente em versão integral e independente

Conhecido por clássicos como Assim falou Zaratustra (1883–5), Além de bem e mal (1886) e O anticristo (1888), Nietzsche foi autor de uma longa produção nos anos 1870, com a qual os leitores brasileiros estão apenas parcialmente familiarizados. Sobretudo porque as Considerações extemporâneas, ciclo de ensaios compostos entre 1873 e 1876, não tiveram no Brasil o merecido destaque editorial. Com esta primeira publicação do ciclo completo, conforme um projeto editorial unificado e com traduções especializadas e diretamente do alemão, preenche-se essa lacuna. Somente agora os leitores brasileiros de Nietzsche poderão avaliar o que significou essa ausência tão longa.

Schopenhauer como educador

Friedrich Nietzsche

Prefácio de Giorgio Colli; posfácio e notas de Giovane Rodrigues e Tiago Tranjan

Durante seus anos como professor na Universidade da Basileia, Friedrich Nietzsche publicou uma série de quatro livros sob a designação...

Veja mais
capa nietzsche